Crítica: A Bela e a Fera (2017, de Bill Condon)



A tão aguardada versão live-action de A Bela e a Fera, animação clássica
da Disney, que por sua vez também é adaptação de uma obra francesa, é
visualmente incrível,
bem
fiel ao desenho – a história, os cenários, os objetos mágicos, os números musicais e o figurino estão
idênticos -,
com ótimos efeitos especiais; entretanto, apesar de o desenho de 1991 não
ter contado com a mesma tecnologia, não fica a dever em nada.

Além disso, como elementos de inovação,
a nova versão do conto de fadas dá um destaque maior ao príncipe e seus empregados, com uma
pequena, porém importante cena introdutória sobre o comportamento deles no castelo antes da
maldição se abater sobre eles, além de também explorar mais o passado, tanto da Bela quanto da Fera, propondo uma solução para o que aconteceu com a mãe da Bela e mostrando flashes do relacionamento do príncipe com seus pais. Por outro lado, há um acréscimo de
números musicais, o que torna o filme um pouco cansativo.


Outro grande acerto desta versão foi a
escolha do elenco, contando com os excelentes Ewan McGregor, Ian McKellen e Emma
Thompson, interpretando, respectivamente, o candelabro, o relógio e o bule de chá. Luke Evans também está muito bem como Gastão, e
Josh Gad está simplesmente ótimo no papel de Le Fou, que também ganha um maior
destaque nessa versão (e sobre a dita “polêmica” envolvendo homossexualismo, se
trata de um exagero por parte da opinião pública, afinal o máximo que é  mostrado em tela é uma alusão, algo bem sutil
mesmo).


Já Emma Watson saiu-se bem nos números
musicais, porém dramaticamente ainda está um pouco limitada; quanto ao Dan Stevens, esteve melhor como Fera do que como príncipe, mas nada que comprometa
o saldo final, que é bastante positivo: a nova adaptação cumpre bem o seu
papel, além de ser um convite encantador para relembrar a infância de muitos,
que foi marcada por esta e tantas outras animações clássicas da Disney.


PS.: O 3D é altamente dispensável.


Título Original: Beauty and the Beast

Direção: Bill Condon

Elenco: Dan Stevens, Emma Thompson, Emma Watson, Ewan McGregor, Ian McKellen, Josh Gad, Luke Evans, Stanley Tucci.

Sinopse: Moradora de uma pequena aldeia francesa, Bela (Emma Watson) tem o pai capturado pela Fera (Dan Stevens) e decide entregar sua vida ao estranho ser em troca da liberdade dele. No castelo, ela conhece objetos mágicos e descobre que a Fera é, na verdade, um príncipe que precisa de amor para voltar à forma humana.

Trailer:


Gostou  da matéria? Então deixe seu comentário! 🙂

Deixe uma resposta