5 Anos de ‘Minha Visão do Cinema’ – Retrospectiva e o que Esperar do Futuro.




Sobre o
nascimento do projeto:


Em algum momento de 1996, quando tinha apenas 4 anos e saí do cinema
maravilhado de ter visto um filme pela primeira vez na tela grande (o filme era
‘Independence Day’); me tornei o cinéfilo que sou hoje. Cinema e filmes em
geral sempre fizeram parte de minha vida. Por anos acompanhei na TV sempre que
podia as sessões do ‘Cinema em Casa’, ‘Tela Quente’, ‘Super Cine’, ‘Inter
Cine’, ‘Corujão’, ‘Domingo Maior’, ‘Sessão da Tarde’, dentre tantas outras. Mas
o amor se aprofundava mesmo era nos aluguéis e na compra de VHS e DVD’s. Na era
do VHS, lembro de quase derreter as fitas assistindo ‘A Múmia’, ‘Star Wars’, ‘O
Rei Leão’, dentre tantos outros. Depois vieram os anos de DVD’s, com centenas
de filmes alugados ou comprados. Chegou a internet e com ela a facilidade de se
obter filmes, principalmente produções clássicas, raras ou estrangeiras. Nesse
meio novo de informação, muitos que tinham vontade de escrever sobre qualquer
assunto criavam seus blogs, seus sites próprios e de cunho mais íntimo. Como
sempre gostei de escrever e passei parte de minha infância e juventude
escrevendo livros, cerca de 7 contos de mistério e fantasia, resolvi unir todos
estes elementos em um só canal. Como já não escrevia mais fantasia, mas sempre
criava listas e opiniões mentais sobre os filmes assistidos, resolvi criar meu
diário pessoal do cinema. Nasceu assim o ‘Minha Visão do Cinema’.




Assumindo cada vez mais a
responsabilidade de tornar o blog não tão pessoal, mas de domínio público,
começou a trajetória de disponibilizar aqui no blog um material bacana não para
mim, mas para o leitor visitante. Assim, a “minha” visão foi cada vez
mais se tornando a “sua” visão, a dica, o ponto de vista, o conteúdo
direcionado a você leitor. Assim o termo “minha” se refere mais a
você que está lendo, como característica pessoal, do que a mim. Não sou o dono
da razão e com o passar do tempo vi a felicidade que se tem de dar um pouco de
conhecimento, trazer uma dica, fazer uma recomendação de algo bom. Trazer
diversão boba e entretenimento; mas também cultura e reflexão em um só espaço é
algo difícil. Explorar todos estes lados que os filmes podem trazer não é
fácil. Mas com o passar do tempo se tornou uma tarefa prazerosa, na qual
começou a ganhar reconhecimento. Vi assim a necessidade de fazer ainda mais,
abrindo caminho para outros.


Os primeiros 2 anos:

Embora o processo de criação tenha começado umas semanas antes, a primeira
postagem oficial foi lançada na rede dia 09 de Agosto de 2011. Você confere ela aqui! Já pensei em editar esta
introdução ao blog, porém depois de refletir, resolvi deixá-la do mesmo jeito
da primeira vez que postei. Isso para mim sempre poder voltar lá, ver como tudo
iniciou, de maneira amadora, boba, mas humilde e de coração. Porém o mais
difícil em fazer um blog ou site é justamente o início, escrever os primeiros
textos, lançar conteúdo e pegar prática nisso. E olha o início foi difícil.
Devido a falta de tempo, cursos e problemas pessoais, o primeiro ano (2011) foi
curto, tendo pouquíssimas postagens e congelando o projeto. Cerca de 1 ano
depois, em 8 de Agosto de 2012, retomei o blog com ideias maduras e
reformuladas, você confere a retomada aqui! Desde então, com orgulho digo
que o blog não parou mais! Mesmo que com alguns meses mais parados, nunca
deixamos de postar!

Abrindo o espaço para ajudantes, críticos e pessoas interessadas em
compartilharem suas visões da sétima arte, em 2013 comecei o processo de
procura de novos autores. Assim, no início de 2013, estreava meu primeiro
ajudante no blog, alguém que foi meu braço direito por muito tempo: Wellington
Oliveira. Com a crítica do terror ‘Mama’ (leia aqui!), Wellington passou a ajudar
ativamente no blog tanto na elaboração de textos originais quanto no trabalho
gráfico e de criação de imagens próprias para o blog. A partir daí muitos
outros escritores passaram pelo blog, rapidamente ou por longa data. O querido
Daniel Serafim, que entrou no blog após ser o n° 100 a curtir a página do
Facebook e como recompensa poder escolher a matéria a ser postada para ele.
Lembro-me que o Wellington e eu achávamos que seria fácil, mas ele escolheu um
assunto difícil: o lúdico e a arte no cinema (rsrs)! Deu trabalho e pesquisa
fazer aquela matéria dedicada, sabia Daniel? A partir deste gosto específico do
Daniel, ele entrou na equipe e sempre trazia textos ricos de conteúdo, focando
no cinema estrangeiro. Olha uma das críticas dele aqui.


Dentre outros autores que passaram, tivemos o Erick Fernandes, o Marlon Faria,
o João Trettel, o Talison Marafiga, o Christian Rosa, o Carlos Brito
Júnior, o 
Alex Sampaio Pires e o Emerson Carvalho, que
compartilharam suas opiniões aqui. Tivemos a Letícia Freitas, a Amanda Souza, a
Mayara Mattos e o Marcelo Alves, que trouxeram dicas legais de terror. Tivemos
os dois lendários Paulo Telles e José Eugênio Guimarães, que semanalmente
traziam trechos de suas críticas já existentes dos seu próprios blogs, sempre
falando de faroestes e longas verdadeiramente clássicos. Tivemos ainda críticas
cedidas do nosso amigo, o grande crítico de renome nacional, Raphael Camacho. Dentre
outros escritores que cederam suas opiniões. Foram muitas parcerias, trocas de
divulgações e indicações de variados sites e blogs sobre cinema, séries ou
algum outro tipo de cultura pop e arte. 





Abrindo novos caminhos:

Hoje a maioria dos que já escreveram no blog seguiram seus projetos pessoais,
escrevem livros, participam de algum site, página ou grupo. Um até mesmo chegou
a escrever para os jornais de sua localidade. Tenho orgulho e admiração por
cada um deles, seguirei seus caminhos torcendo pelo sucesso. Agradeço de
coração por toda contribuição que deixaram aqui. Mas o blog também seguiu seu
trajeto. Hoje temos vários novos autores que compartilham semanalmente suas
ótimas dicas e matérias. Ana Paula Araújo, Natália Vieira, Luciana Ferreira, Jackson
Arcari, Eduardo Ben Lima, Ana Cassani, Mariana de Souza, Érica Caetano Roos,
Viviane Alvez, Nessa Naomi, Nicole Sarmento, minha irmã Rafaela Bandeira e mais
alguns que estão em teste agora… tenho profundo orgulho e admiração por cada
um de vocês. É um privilégio chamá-los de meus companheiros de blog e irmãos
cinéfilos. Em breve outros farão testes para entrar no blog, alguns seguirão
outros caminhos que a vida dá, mas todos de alguma forma contribuíram para
estarmos aqui hoje.

O ‘Minha Visão do Cinema’ está em uma missão de se profissionalizar, conquistar
espaço no meio cinéfilo e ganhar os corações dos leitores. Hoje temos um número
considerável de visitas diárias e presenteamos estes leitores com nossos
textos, sorteios e concursos culturais, valendo filmes em DVD originais,
ingressos no cinema e prêmios especiais. Buscamos incentivo de empresas que
queiram divulgar seu trabalho ou produto aqui, procuraremos crescer ainda mais,
adotando porte de site e futuramente há planos de mudarmos de plataforma e
formato, para melhor atender o leitor. Mas se mesmo buscando crescer a ponto de
virarmos uma marca forte, uma empresa; o foco continuará sermos humildes de
espírito, trazendo para o leitor dicas e sugestões sinceras. Que nunca percamos
o foco de tornar a Sétima Arte algo ao alcance de todos. Sempre será a minha, a
sua, a nossa humilde e amada visão do cinema.


Algumas matérias memoráveis:


Nosso especial de 2 anos de blog, nem imaginávamos que estaríamos aqui hoje,
completando 5 anos:

Crítica do sensual, triste e belo ‘Lua de Fel’, a matéria mais lida do blog:


Nosso ‘TOP 10 Filmes Complexos’ já é antiguinho e ainda bomba como um dos mais
acessados:

‘Triângulo do Medo’ é um terror inacreditavelmente desconhecido da maioria, mas
gostamos tanto que fizemos esta crítica apaixonada, que acabou agradando nosso
público:

Outro ótimo filme desconhecido da maioria, ‘O Abrigo’ também está entre os mais
acessados, é o mais comentado pelo Facebook aqui no blog e já gerou discussões,
confere lá:

Nosso ‘Top 10 Filmes Adolescentes do Final dos Anos 90’ trouxe muita nostalgia
pro pessoal:

A crítica do belo ‘Amor Sem Pecado’ também deu muito acesso e fez o pessoal
comentar bastante! 

Recentemente nos dedicamos a uma das sagas de fantasia mais influentes da
história, fazendo este ‘Especial Star Wars’:

Outro especial recente, esta bela postagem fala sobre a poesia, a arte e a
beleza reflexiva de vários filmes. Confere:

Isto tudo é apenas um resumo e uma “palhinha” do que o blog fez na
última meia década. Que venham muitos anos, que cresçamos e continuemos a
compartilhar com nossos amados leitores estas ideias e matérias contagiantes.







Minha Visão do Cinema

“Cinema: uma maneira de contar histórias, deixar um legado, recriar sonhos. Por isso chama-se Sétima Arte.”





Deixe uma resposta