Crítica: Boas Intenções (2019, de Gilles Legrand)

 O longa dirigido por Gilles Legrand e roteirizado por ele e Léonore Confino, acompanha Isabelle (Agnès Jaoui), uma mulher de 50 anos, com dois filhos e casada com um ex-refugiado bósnio. Ela é voluntária em diversas instituições de caridade, como professora de francês. Apesar de seu trabalho voltado ao próximo, Isabelle muitas vezes impõe seu ponto Leia mais… »