Crítica: A Maldição da Mansão Bly (2020, de Mike Flanagan)

Retornamos à Maldição da Mansão Bly, agora com o benefício de certa distância da série, para pensarmos seus elementos de forma mais aprofundada. Você pode conferir nossa matéria anterior sobre a A Maldição da Residência Hill aqui e, caso ainda não tenha assistido essa segunda temporada, pode ler nossas Primeiras Impressões aqui. Essa matéria irá conter Leia mais… »

Primeiras Impressões: A Maldição da Mansão Bly (2020, de Mike Flanagan)

Lançada na sexta-feira passada, A Maldição da Mansão Bly é a nova temporada da série antológica A Maldição. Após o sucesso da primeira temporada, A Maldição da Residência Hill, a Netflix e os criadores da série optaram por apresentar uma história nova por temporada, e aqui acompanhamos Dani (Victoria Pedretii), uma au pair estadunidense responsável Leia mais… »

Crítica: A Maldição da Residência Hill (2018, de Mike Flanagan)

Antecipando o lançamento de A Maldição da Mansão Bly nas próximas semanas, o Minha Visão do Cinema preparou essa crítica de A Maldição da Residência Hill. Após o sucesso da primeira temporada, Mike Flanagan, criador da série, decidiu continuá-la em formato antológico, adaptando o livro A Volta do Parafuso, de James Henry, na segunda temporada.  Leia mais… »

Crítica: As Boas Maneiras (2017, de Juliana Rojas e Marco Dutra)

Tendo assistido as duas colaborações anteriores de Juliana Rojas e Marco Dutra, é impossível não vibrar um pouco com o trabalho da dupla em As Boas Maneiras. Para além das associações temáticas e a continuação da exploração entre combinações de gênero das obras anteriores, aqui eles atingem seu ápice em termos de ambição, permeando o Leia mais… »

Crítica: Sinfonia da Necrópole (2014, de Juliana Rojas)

Juliana Rojas continua em Sinfonia da Necrópole a exploração de gênero e temas que iniciou com Trabalhar Cansa (confira a crítica aqui). Dessa vez, a combinação não usual vem de outra maneira, contrastando o gênero da comédia musical com o inusitado cenário de um cemitério e seus trabalhadores. A direção bem pensada de Rojas constrói Leia mais… »

Crítica: Trabalhar Cansa (2011, de Juliana Rojas e Marco Dutra)

O casal Helena (Helena Albergaria) e Otávio (Marat Descartes) precisa lidar com dificuldades financeiras após ele ser demitido logo quando ela está prestes a adquirir uma mercearia. A ausência de Helena em casa é compensada por Paula (Naloana Lima), uma empregada doméstica responsável por cuidar de Vanessa (Mariana Flores), filha do casal. A pressão financeira Leia mais… »

Crítica: Os Outros (2001, de Alejandro Amenábar)

Tendo assistido Os Outros diversas vezes quando criança, decidi recomendar o filme para o Especial Filmes para Assistir no Inverno. Revisitando o filme, entretanto, percebi que o mesmo é um caso interessante de uma história simples cujo impacto é bastante intensificado por sua execução. É a partir desse aspecto que irei falar sobre Os Outros Leia mais… »

Especial: Filmes para Assistir no Inverno

Pensando no maravilhoso ritual de preparar uma pipoca, ir para baixo das cobertas e assistir um filme, o Minha Visão do Cinema preparou um especial com várias indicações para você assistir nesses dias mais frios. Confira na matéria a seguir nossas recomendações de filmes clássicos, romances, documentários e, é claro, terror!    Igor Motta recomenda: Leia mais… »

Perfil Bergman: Parte IV

A carreira de Ingmar Bergman é pontuada pela participação recorrente de diversos atores e atrizes. Entre relações complicadas e amigáveis, envolvimentos românticos e desafetos, eles criam sua própria história fora das telas com o diretor. Na parte final do especial Perfil Bergman, iremos apresentar algumas indicações finais da obra de Bergman dentro do contexto da Leia mais… »